Autenticar
Main menu

A AEG utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar
Há e Hai, formas legítimas incluídas no padrom reintegrado galego

Há e Hai, formas legítimas incluídas no padrom reintegrado galego

Qual é a razom de a norma reintegrada deixar de usar a forma verbal hai, quando foi empregada no Estudo Crítico e é geral na Galiza ( só se emprega numhas poucas aldeias, umha do centro de Ourense e algumha da Raia Seca, conforme o Atlas Linguístico Galego, e mesmo nestes locais junto com hai)?

 

Miguel Conde Teira. Compostela

RESPOSTA DA COMISSOM LINGÜÍSTICA DA AEG:

 

O amável consulente está enganado, pois a Comissom Lingüística (agora da AEG, antes da AGAL) nunca deixou de admitir para a terceira pessoa do singular do Presente do Indicativo do verbo haver, em usos impessoais, ao lado de , também a variante hai, como se indica, de facto, na página 127 do recentemente publicado Compêndio Atualizado das Normas Ortográficas e Morfológicas do Galego-Português da Galiza (CL-AEG, 2017).

Última modificação emSegunda, 05 Fevereiro 2018 12:31
Avalie este item
(4 votos)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Facebook Twitter RSS Global